Moto X vs Xperia Z3 Compact – Blog Case4you

maxresdefault

Quando a Sony apresentou o Xperia Z3 Compact, mostrou que um smartphone de menores proporções ao que temos hoje no mercado, não significa obrigatoriamente que ele é de baixo desempenho ou que entrega poder de fogo bem inferior ao celular que tem o nome completo. Com tanta capacidade, resolvemos colocar ele lado a lado com o Moto X de segunda geração, que tem um hardware muito semelhante, mas com um corpo pouca coisa maior (para todos os lados).

Design

Assim como quase que toda a linha Xperia Z, o Z3 Compact adota linhas mais retas e um ar mais sóbrio, algo mais quadradão e que vai de encontro ao que temos no Moto X, que é um smartphone com bordas mais arredondadas e traseira ligeiramente curvada. Este detalhe no Moto X garante melhor pegada e mais conforto na hora de segurar o celular nas mãos, mas o tamanho diminuto do Z3 Compact faz dele o vencedor quando o assunto é a segurança do celular, que vai ficar na mão e não vai cair tão facilmente. Nenhum dos dois dispositivos oferecem acesso para a bateria, que dura mais no lado da Sony do que na Motorola – graças ao melhor gerenciamento energético que os smartphones da linha Xperia Z contam, utilizando melhor os mAh disponíveis na bateira. Por fim, apenas o Z3 Compact oferece espaço para um cartão microSD e, mesmo com esta entrada extra, ainda permite um mergulho na água por 30 minutos em até um metro de profundidade, antes de morrer.

Hardware

O Qualcomm MSM8974AC Snapdragon 801 está presente em ambos os lados desta disputa, com o mesmo clockl (2.5 GHz) rodando nos mesmos quatro núcleos, os mesmos 2 GB de memória RAM, a mesma GPU Adreno 330 e 32 GB de espaço interno para o Moto X, contra 16 GB para o Xperia Z3 Compact (que podem crescer com mais um cartão microSD de at´q 128 GB). O desempenho em games é muito semelhante, com ambos abrindo bem jogos pesados como o Asphalt 8, mas no cotidiano o Android roda com menor travamento do lado da Motorola (por mais que o Android 5.0 faça o boot ficar mais lento, bem mais lento no Moto X).

Câmera

A Sony sabe como fazer um smartphone com boa câmera, algo que a Motorola ainda não aprendeu e que, junto da bateria, costuma ser seu ponto fraco. Nada muda por aqui, com o Moto X deixando seus 13 megapixels não mostrarem tantos detalhes e cores, como os 20.7 megapixels do Xperia Z3 Compact. A diferença é bastante gritante quando olhamos fotos noturnas ou em ambientes com baixa luminosidade. Em vídeos a diferença não é lá tão gritante, mas aparece, mesmo com os dois smartphones filmando na mesma resolução (4K).

Conclusão

Se somarmos pontos negativos e positivos, o Moto X sai na frente e perde apenas em bateria e câmera, além de ter um custo-benefício muito mais atraente. Se você cansou de celulares imensos (como eu já cansei), o Xperia Z3 Compact é uma agradável vista de um smartphone diferente, mas ainda assim potente e parrudo. Se tamanho é documento, XPeria Z3 Compact para você.

Anúncios